segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Oh L., porque comes tanto?

...

1- porque tenho fome;

2- porque cozinho bem demais;

3- porque sou uma pessoa gastronomicamente feliz (já tinha dito esta antes...);

4- porque tenho uns bons genes que fazem com que só engorde um bocadinho de vez em quando;

5- porque às vezes, ou muito frequentemente, tenho ataques súbitos de carências psico-afectivas pelo que, na falta de dinheiro para o psicólogo, faço terapia doméstica com comida em doses industriais, o que, e apesar de tudo, sempre é melhor que arranjar um gato e deixar crescer o buço.

Esclarecidos?

post dedicado a todos os que sentem necessidade de libertar um desabafo sempre que me vêem a praticar os meus saudáveis hábitos alimentares
(Caracois-L)

8 comentários:

Mab disse...

Esclarecidissima!! Desde que não voltes a comer empadas de estômago vazio depois de praticamente vires a correr pra não chegares atrasada...lol

caracois disse...

Mab: caso isso aconteça tu dás-me aquele chazinho... (o burro nunca aprende!)

Andreia disse...

oh mulher come que tás a crescer. Lambuza-te em frente de quem não tem bons genes:P

ADEK disse...

A parte de só engordar um bocadinho não é mt o meu caso...mas ao menos engordei tudo quando era miúda, e instrui o meu metabolismo de que era popota:P Como muito há mts anos e sou feliz assim:P espero nunca ficar obesa, senão terei que entrar em dieta hipocalórica, e ficarei SEM DÚVIDA deprimida... Compreendo-te perfeitamente e apoio!

Tiago disse...

O ponto 5 faz todo o sentido. A parte de cozinhares bem... Já me convidavas para um jantar ne? lol
(bricandeirinha :P)

caracois disse...

Andreia: lambuza-te?... lol

ADEK: haja alguém q me compreenda!

Tiago: correcção - eu cozinho bem DEMAIS! lol

Oscar Tomé disse...

Como eu te entendo. Se a gente gosta ou lhe apetece comer, deixo de entender porque temos que nos reprimir.. força na dentadura...
eu acabei de almoçar e ja tenho fome. tenho sorte de, como tu, nunca engoradar muito mesmo comendo doses enormes de comida... somos felizardos?lol

caracois disse...

Oscar Tomé: felizardos? nao... ABENÇOADOS!!!! loooool