sábado, 15 de maio de 2010

Eu sei de um gajo que:

1) é branco e fala à preto,
2) mostra cicatrizes de balas e facadas como eu mostro as marcas da varicela,
3) escreve “a mnh kota” (a minha mãe), “mxm aceriu” (mesmo a sério) e “prexixarex” (precisares) nas mensagens de telemóvel,
4) trabalha “na obra”, habitualmente alcoolizado e nunca fez descontos na vida,
5) vive num bairro social com a mãe,
6) diz que perdeu a virgindade aos 10 anos e que o avô o obrigou a fazer circuncisão para que o pénis “esticasse”,
7) acredita que é imune à dor física,
8) tem como alcunha o nome de uma personagem do “Rei Leão”,
9) proclama com orgulho que nunca esteve preso, apenas foi detido uma vez porque um “bófia armou-se em gente” e teve “que lhe ir ao focinho”,
10) vai dançar nas marchas populares deste ano, vestido de cetim colorido e de arco na mão em plena Avenida da Liberdade.

Hoje posso dizê-lo sem dúvidas: eu sou uma pessoa tão normalzinha!
Caracois-L

3 comentários:

B. disse...

O people kom k tu te metes..ms penxa axim: ele é bué fofo!!Tá princesa...

caracois disse...

B.: eu n tnh culpa k este ppl cruxe o meu camnh, tá bebé?? e q axe q eu kero saber estas koisas, tá dama?
C.L

Tiago disse...

LOOL! Que personagem! xD